Dicas para um jardim sustentável
Marketing | Grupo Silvana Carvalho

No dia 05 de junho, é comemorado o Dia do Meio Ambiente. Nesta data, instituições e indivíduos avaliam suas contribuições para uma existência menos danosa para o ambiente e as futuras gerações. Uma forma de atuar em escala individual é buscando soluções para a própria casa, tanto na área interna quanto na externa. Caso você queira começar pelo cantinho mais verde do seu imóvel, aqui estão algumas dicas para um jardim sustentável.

 

  1. Escolha plantas nativas

 

Optar por plantas nativas é uma das melhores maneiras de garantir a sustentabilidade do seu jardim. Elas são adaptadas ao clima local, necessitando de menos água e cuidados e atraindo polinizadores como abelhas e borboletas, contribuindo, assim, para a biodiversidade. Além disso, são lindas e sofisticadas em um projeto, sendo a escolha de imóveis elegantes e ecologicamente pensados, como este da imagem, que está localizado no Condomínio Fazenda Alvorada e faz parte do portfólio da Silvana Carvalho Imobiliária. Ele conta com paisagismo nativo e adulto e diversas soluções ambientalmente responsáveis.

 

 

  1. Pratique compostagem

 

A compostagem é uma forma eficaz de reduzir o lixo orgânico e enriquecer o solo do seu jardim. Em vez de serem encaminhados para a coleta dentro de sacos plásticos, restos de alimentos, folhas secas e podas de plantas podem ser reaproveitados e transformados em um excelente composto nutritivo natural.

 

  1. Captação e reutilização de água

 

Aproveitar a água da chuva é uma prática muito utilizada por ser altamente eficiente. Instale sistemas de captação de água em seu telhado e a utilize para regar o jardim ou em fontes. Como pode ser visto no belo imóvel da foto abaixo, que utiliza água de reuso para irrigação, tal medida não prejudica a estética da construção. Além disso, opte pela rega consciente. Ela escolhe os horários de menor evaporação, como o fim de tarde, para que a água penetre no solo e seja bastante aproveitada pelo jardim.

 

 

  1. Controle natural de pragas

 

O cultivo orgânico não é apenas para o prato, mas, também, para o seu paisagismo. Evite o uso de pesticidas químicos e escolha métodos ecológicos de controle de pragas, como o uso de plantas repelentes, como o manjericão e a hortelã, entre outras soluções naturais.

 

  1. Crie um jardim de polinizadores

 

Além de embelezar a sua casa e de ser um refúgio de relaxamento, seu jardim pode contribuir com a natureza. Plante flores que atraiam polinizadores, como abelhas e borboletas, e crie um ambiente positivo para eles, sem o uso de pesticidas.

 

  1. Energia solar

 

Se você utiliza iluminação no jardim, considere instalar luzes solares. Elas são eficientes, econômicas e reduzem o consumo de energia elétrica.

 

  1. Planejamento e manutenção sustentável

 

Plantas perenes demandam menos manutenção e são mais sustentáveis a longo prazo. Também garantem que seu jardim esteja sempre belo e você possa planejar um calendário de cuidados otimizado e sem desperdício. 

 

  1. Busque profissionais qualificados

 

Um profissional competente e qualificado será capaz de providenciar as medidas acima, projetar e manter o seu espaço verde de forma que, ao mesmo tempo, seja eficiente e se adeque aos seus gostos pessoais. 

 

Com essas dicas para um jardim sustentável, a área verde da sua casa será não somente benéfica ao olhar, mas, também, ao meio ambiente. Caso você prefira um imóvel que já conte com um espaço exterior ecológico, a Silvana Carvalho Imobiliária dispõe de diversas opções. Entre em contato para conhecer nosso portfólio!