Vistoria de Entrada
Grupo Silvana Carvalho

Quando você aluga imóvel residencial, uma das cláusulas do contrato será referente às condições de entrega do mesmo. Nessa cláusula, estará discriminado que o imóvel precisa ser entregue nas mesmas condições que estava ao ser alugado.

Isso significa que, se o imóvel tinha uma pintura nova, ele deverá ser pintado novamente para a entrega. Assim como os danos existentes no momento da locação não precisarão ser reparados.

Como provar o estado do imóvel antes do aluguel?

Essa cláusula do contrato de locação ajuda a proteger tanto o dono do imóvel quanto a pessoa que o está alugando. No entanto, se algumas medidas não forem tomadas, você pode acabar tendo dor de cabeça mais para frente.

A importância da vistoria de entrada

É por isso que a vistoria de entrada é tão importante ao alugar um imóvel. É nela que será listada e detalhada a condição do imóvel no momento da assinatura do contrato.

A vistoria é um documento que prova como estava a pintura, as portas, o piso e, até mesmo, os móveis do espaço no momento da locação. Ela será consultada quando você devolver o imóvel para que seja possível analisar se é preciso realizar reparos ou não.

Em outras palavras, a vistoria vai te proteger contra eventuais reformas que o proprietário exija caso essas melhorias não tivessem sido realizadas originalmente.

O que precisa constar na vistoria de entrada do imóvel

Como esse é um importante documento, é fundamental que a vistoria seja realizada por profissionais e antes de você pegar as chaves do imóvel.

Todo detalhe faz a diferença

Esse cuidado é recomendado, uma vez que pode haver algum dano que não esteja visível aos olhos. Um encanamento antigo e danificado, por exemplo, pode ser identificado apenas nesse momento.

Também é importante que a vistoria seja bastante minuciosa e aborde desde a pintura e móveis até as fechaduras e a parte hidráulica e elétrica do imóvel.

Outro ponto importante é que o documento final seja assinado tanto pelo locatário quanto pelo proprietário. Dessa forma, não haverá espaço para dúvidas de que uma das partes não estava ciente da condição do imóvel.

E se a vistoria acusar um problema grave?

Outra grande vantagem da vistoria é justamente o fato de que ela pode acusar algum problema que você não tinha notado.

É possível que o imóvel esteja com a fiação elétrica antiga, por exemplo, e você precise trocá-la para que o negócio comece a funcionar.

Nesses casos, cabe uma avaliação da parte de quem está alugando o imóvel.

Ainda assim vale a pena alugar?

Se for uma casa ou apartamento muito bom e as demais instalações estiverem de acordo com o que você precisa, pode valer a pena investir em algumas reformas.

Quando isso acontece, é possível negociar com o proprietário um desconto no aluguel pelas melhorias realizadas. Não deixe de registar esse acordo também em contrato e nem de guardar todas as notas de obras e de instalações realizadas.

Ficou com alguma dúvida sobre a vistoria de entrada em imóveis residenciais? Deixe a sua pergunta nos comentários!

 

Contrato Digital para as locações de imóveis em Itu e região
28 out
Administração de imóveis Imóvel

Contrato Digital para as locações de imóveis em Itu e região

A Silvana Carvalho Assessoria Imobiliária é a única imobiliária em Itu com uma unidade exclusiva para Locação e Administração de […]

leia mais
Como a Silvana Carvalho Assessoria Imobiliária pode te ajudar?
06 set
Administração de imóveis Itu

Como a Silvana Carvalho Assessoria Imobiliária pode te ajudar?

Irá vender, comprar ou alugar um imóvel? Então está na hora de você procurar uma imobiliária. Com a Silvana Carvalho […]

leia mais